Ex-superintendente de Trânsito de Camaçari envia nota de esclarecimento sobre multa aplicada pelo TCM - Jornal Camaçari - Pra quem quer mais!

terça-feira, 8 de setembro de 2020

Ex-superintendente de Trânsito de Camaçari envia nota de esclarecimento sobre multa aplicada pelo TCM


O ex-superintendente da STT de Camaçari, Armando Yokoshiro, enviou uma nota de esclarecimento sobre a multa aplicada pelo TCM em relação ao valor gasto com a manutenção e instalação de ar-condicionado na sede do órgão municipal. De acordo com o relator conselheiro Francisco Netto, foram gastos com a desinstalação, manutenção e reinstalação de 21 aparelhos de ar-condicionado R$40.925,00, quando a compra da mesma quantidade de aparelhos novos custaria à Superintendência apenas R$25.413,47, ou seja, 62% do valor cobrado pelo serviço de manutenção.

Confira a nota do ex-superintendente:

"Sobre a multa do TCM/BA aplicada ao período de minha gestão a frente da STT venho esclarecer o seguinte:

- A Diretora Administrativa e Financeira Srª Elinalva Guilarducci era a responsável por cuidar de todo processo administrativo, juntamente com a comissão de licitação, para prestação de serviços do tipo;

- A empresa responsável pelo serviços discriminados, pertencente ao Sr. Hélio Alexandrino dos Santos Filho, foi selecionada de acordo com o que determina a legislação vigente;

- Sempre tive uma conduta ilibada a frente do órgão em questão, bem como em todas as instituições públicas e privadas em que trabalhei. E assim continuarei.

- Respeito a decisão da corte de contas, que deve ser em decorrência de alguma informação desencontrada ou documento pendente. Diante disso vou recorrer da decisão, pagando a multa, caso não seja reconsiderada a presente decisão".