Mãe de Neymar e Tiago Ramos depõem à polícia sobre suposto acidente doméstico - Jornal Camaçari - Pra quem quer mais!

segunda-feira, 8 de junho de 2020

Mãe de Neymar e Tiago Ramos depõem à polícia sobre suposto acidente doméstico



Tiago Ramos, 23, e a mãe do jogador Neymar, Nadine Gonçalves, compareceram à delegacia de polícia em Santos, no litoral paulista, para prestar depoimento sobre o suposto acidente doméstico envolvendo o modelo e mãe do atacante do PSG no último dia 2 de junho.

A assessoria de Neymar informou ao F5, por meio de nota, que Ramos e Nadine foram juntos até a delegacia e prestaram depoimento à delegada Edna Pacheco na sexta passada (5). "[Eles] esclareceram que não houve qualquer agressão, apenas um acidente doméstico que machucou bastante o braço do Tiago, que segue em recuperação. Os dois estão bem e seguem suas rotinas de isolamento social."


No dia 2 de junho, Tiago Ramos foi levado para um hospital após se envolver em um acidente doméstico no apartamento de Nadine, que mora em um condomínio de alta padrão na cidade de Santos. O acidente teria ocorrido por volta das 20h15 e, na sequência, uma ambulância do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionada.

Ramos foi encaminhado para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Central e, depois, para a Santa Casa de Santos devido à gravidade dos ferimentos. O modelo levou 12 pontos no braço direito, na altura do cotovelo e recebeu alto no dia 3 de junho. Na ocasião, a assessoria de imprensa de Neymar informou que Tiago Ramos e Nadine Gonçalves estavam bem e que havia apenas acontecido um acidente doméstico.

Moradores vizinhos, contudo, disseram ao G1 que escutaram gritos vindos da cobertura do prédio, onde mora a mãe de Neymar, momentos antes de o Samu ser acionado. De acordo com o jornal Extra, Tiago Ramos está morando em um flat alugado por Nadine em Santos, no litoral paulista.

Antes de namorar a mãe de Neymar, Tiago Ramos foi acusado de agressão por uma ex-namorada na Espanha, em outubro de 2019. De acordo com G1, a balconista Rita Cumplido, 44, se relacionou com o jovem por oito meses. Segundo divulgado por Rita, eles brigavam com frequência devido ao rapaz ser muito ciumento. Em uma das discussões, a mulher registrou boletim de ocorrência contra o jovem e garantiu uma medida protetiva.